Comidinha fresquinha, parei de congelar. Dicas e receitinhas neste post!

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp
Share on linkedin


Pois é, estamos em pleno vapor da introdução alimentar da Alice. Hoje com oito meses e dezenove dias, ainda posso presenciar as caretinhas dela quando experimenta algo novo, e até então não tem nada que ela não aceite, tudo que ofereço ela adora!

No começo da introdução alimentar da Alice fiz alguns legumes cozidos ou a vapor separadamente e no final, acabava sobrando muito. Então, passei a congelar em forminha de gelo o restante. Havia cubos de purê de cenoura, de batata doce, de carne com legumes… Era bem fácil preparar a comida dela, eu precisava apenas descongelar três tipos de cubos de alimentos diferentes no microondas e pronto! Confesso que foi bem prático e sentia que estava fazendo o certo, já que não havia desperdícios, mas na real, eu não estava oferecendo algo tão importante para minha filha – qualidade!

Decidi então dosar melhor a quantidade de alimento feito toda vez que eu cozinhava algo para não haver desperdícios ou sobras. Passei a fazer o almoço dela e o restante colocava o alimento na geladeira (ainda quente) para servir na janta. Tem funcionado bem até hoje, e pretendo adotar esse método a partir de agora.

Por que não tenho mais desculpas para querer congelar a papinha da Alice? Oras, decidi ficar em casa cuidando da Alice, virei mãe, dona de casa e quando consigo trabalho em casa escrevendo post. Cuidar da Alice tem sido minha prioridade, então pensei “se estou em casa para oferecer qualidade para ela, eu tenho que oferecer a comida dela com qualidade também, não tenho desculpas para não ir para o fogão todos os dias”, então, tenho feito isso desde os sete meses.

Tenho cozinhado todos os dias no almoço e tem sido um prazer inventar e aprender tantas maneiras novas de cozinhar. Achava que era mais complicado, mas não é! Quase sempre uso uma única panela e de vez em quando a panela de pressão para cozinhar no vapor. Se há sobras no jantar, eu aproveito e janto algo saudável junto com ela.

Neste artigo você vai encontrar:

Os alimentos que uso congelados:

  • Carne bovina. Geralmente separo em vários potinhos bolinhas de carne moídas na quantidade certa para duas refeições, no caso, almoço e janta;
  • Carne de frango. Uso geralmente filezinho sassami que vende separadamente em um pacote. Uso apenas um dos pedaços por dia;
  • Couve. É sempre importante oferecer um tipo de folha, então, deixo lavado e embalado para picar bem pequenininho e colocar em quase todas as refeições da Alice;
  • Mandioca cozida em pedaços pequenos. Esse item não pode faltar no freezer! As vezes acaba a batata, mas sempre posso optar pela mandioca.

Tempero, pode sim!

Alguns dos itens que pode dar um saborzinho para a comidinha:

  • Alho;
  • Cebola;
  • Cebolinha;
  • Salsinha;
  • Alho poró;
  • Laranja ou limão;
  • Hortelã;
  • Manjericão;
  • Tomate.

Tempero desidratado

Outra opção é usar os temperos desidratados que você encontra no mercado. É bem prático e de vez em quando eu uso. Mas ainda prefiro o tempero fresco.

Acho importante a introdução dos temperos comuns de casa para a criança ir acostumando ao poucos com outros sabores.

Resultado de imagem para temperos desidratados aroma das ervas

O que não pode faltar na minha geladeira

  • Batata;
  • Cenoura;
  • Alho;
  • Cebola;
  • Alguma proteína;
  • Folha verde;

Receitinhas fáceis que faço:

Misturinha mais seca

Ingredientes:

  • Alho
  • Cebola
  • Óleo
  • Arroz
  • Carne moída
  • Batata
  • Cenoura
  • Couve flor

Modo de preparo: Refolgue com pouco óleo o alho e a cebola; em seguida adicione a carne moída. Após a carne moída estiver refogada, adicione o restante dos ingredientes, inclusive um punhado de arroz japonês (lavado). Adicione água até cobrir os vegetais. Feche a panela e espere cozinhar até o arroz ficar mais sequinho com os vegetais.

Misturinha molhada

Ingredientes:

  • Alho
  • Cebola
  • Frango ou carne de boi
  • Batata
  • Cenoura
  • Macarrão
  • Mandioquinha
  • Couve
  • Arroz japonês ajuda a engrossar (opcional)

Outras opções são: Chuchu, Mandioca (da uma cremosidade boa para a sopa), abobrinha (fica bem molinha), tomate (da uma cor e adoçada na sopa), batata doce, inhame etc.

Modo de preparo: Refogue com pouco óleo o alho e a cebola. Adicione em seguida a carne e espere até cozinhar; Adicione o restante dos ingredientes bem picadinho e adicione água até cobrir os ingredientes. Se necessário, vá adicionando água caso os vegetais ainda estejam duros.

Se você prefere dar os alimentos separados para seu filho sentir o sabor de cada item, é só cortar os legumes maiores para depois separá-los.

No caso da Alice, de vez em quando eu amasso tudo ou corto em cubinhos pequenos e ofereço um por um para ela.

Sobremesa

Ingredientes

Adicione a fruta de sua preferência picada na panela, cozinhe com um pouco de água.

Outras frutas podem ser usadas como: batata doce, amora, pera, blueberry (mirtilo), morango ou pêssego.





Fonte: Lá vem bebê

Mais Matérias